20 de novembro de 2011



Banda: Dragonland
Álbum: Under the Grey Banner
Ano: 2011
País: Suécia
Estilo: Symphonic Power Metal
Metallum

link in comment
link no comentário

Os Guerreiros da Ordem do Dragão estão de volta! Dragonland é simplesmente a banda que conseguiu a proeza de ser baixada cinco mil e trezentas vezes aqui no DOS com o penúltimo álbum. Além de fazerem a melhor música de todos os tempos, se não conhece, leia os comentários dos álbuns postados aqui por mim! É mole ou quer mais?

Os caras deram um sumiço bem sinistro em depois do lançamento do 'Astronomy - 2006' ninguém ainda explicou isso direito, pois até em shows a banda havia sumido. Mas hoje é dia de festa e não estou afim de explicar isso porque é sinistro demais. 'Under the Grey Banner' é a terceira parte e última da "Dragonland Chronicles". Quem acompanha a banda sabe do que estou falando, se não sabe baixa que postei aqui no DOS.

Agora a história ganhou proporção mundial. O Mundo de Dragonland é divido em: Darklands, Ivory Plains, Elven Woods e Southlands. Grandes continentes onde ocorrem as cenas e passagens das faixas de saga. Olha AQUI é bem legal, parece Senhor dos Anéis com Game of Thrones.





Todo o álbum será contado e narrado no site da banda, você poderá seguir e ver em animações impressionantes os caminhos de Dragonland. É bem interativo, eu gostei.


O banda é a última que ainda faz metal com linhas medievais sem parecer idiota e batido. Tem todas a linhas e características que banda sempre mostrou em seus álbuns. Principalmente a voz de Jonas Heidgert que é também o criador da banda. A voz dele é marcante demais, o conceito poder nasceu da junção das bandas Rhapsody of Fire, Dragonland e Dark Moor. Entenderam porque eu gosto dessa banda? Power Metal poderoso demais só irá ouvir nessas três bandas.

Deixa eu contar dos integrantes porque a maioria só conhecem o Jonas e esquecem que o resto da banda é formado por nada menos que Olof Mörck, Guitarras (Amaranthe, Nightrage, ex-Rapture), Elias Holmlid, Teclados (ex-Rapture, ex-Disdain), Jesse Lindskog que fez algumas linhas de guitarra e bateria (ex-Dreamland, ex-Nostradameus), Anders Hammer, baixo (Nightmare, ex-Disdain) e Morten Lowe Sorensen, baterista fodásticamente foda (Amaranthe, Icon in Me, Indrama, Mercenary, The Arcane Order, The Cleansing, Transparent).

Muita gente pensa que é somente mais uma banda de Power Metal legal. Não é, É a ÚLTIMA BANDA do estilo legal do mundo. O metal mudou, galera. Ninguém gosta mais de tocar sobre fantasia, guerreiros ou dragões. Quando aparece algo já foi feito por alguma banda. A criatividade não está em alta no Power Metal. Isso é fato.

O álbum é grande, 12 faixas bem distribuidas. Arranjos bem pomposos, narrativa é feita por uma mulher que dá um toque sinistro ao álbum. Parece que a coisa não vai boa para o mundo de Dragonland, mas existe esperanças esquecidas que só ouvindo para compreender. É com certeza o melhor álbum da banda. Todas as faixas estão bem escritas, nos leva para o mundo criado por essa banda só ouvindo uma única vez.

Todos os elementos que se espera de banda do nível do Dragonland é encontrado, ouvido e sentido. Super mega blaster Dragon master lançamento do DoS. Acho que ninguém no mundo irá fazer um comentário assim, somente eu! rsrs! Sou foda, avassalador!







Antes de comentar marque a caixa 'Publicar no Facebook' por favor!

11 comentários:

Pikachu Sama disse...

DOWNLOAD

†André† disse...

O rhapsody ainda toca fantasia.

E e sempre inovador nos albuns deles.

Baixando =)

Gunther Duarte disse...

O Rhapsody praticamente não existe mais. =)

†André† disse...

Existe sim.

Lione e Alex estão lá.

Apesar que o luca era a alma do rhapsody.

Alias o luca ta com outra banda chamada

Lucas Rhapsody. '-'

Gunther Duarte disse...

Por isso que eu disse "praticamente". =)

Juliodipolly disse...

Que play do caramba vei....

MÅ®løn MÅt˵§ - [√.ΐ.Þ]™ disse...

Baixando!

Gustavo Stone disse...

Muito fera esse álbum, forte concorrente a melhor do ano!!! Guitarras bem trabalhadas, vocal bem ambientado, orquestrações "cinematográficas" e a batera pra mim foi o melhor de tudo, a cereja do bolo. Putz que trabalho maravilhoso esse drummer fez!!!
Parabéns e muito obrigado Discipline!!!

timEU disse...

baixando! fico alguns dias sem net... e quando volto olha só o que eu vejo!!! um dos albuns mais esperados! valeu meu caro Pikachu!

Ricardo - Barbacena disse...

O Rhapsody não existe mais?? Agora existem dois Rhapsodys hehehe... E com certeza serão lançados dois cds magníficos em breve...


Sobre o Dragonland, é outra banda que dispensa comentários... Vou correr atrás do cd original agora para completar minha coleção...

Stay True disse...

Que play foda, veio!
É uma viagem....

Melhor do que qualquer baseado!